images

I – O uso da crase é OBRIGATÓRIO:

1) Quando o verbo exigir preposição A e a palavra seguinte admitir a anteposição do artigo definido A(S).

Ex: O aluno estava atento à aula do professor

 

2) Preposição A + Pronome Demonstrativo AQUELE.

Ex: Refiro-me àquela candidata.

 

3) Antes de DE e QUE haverá crase se eu puder substituir por AQUELAS.

Ex: A prancha que ganhei é igual à que você comprou.

Sua blusa é igual à da vitrine.

 

4) Preposição A + Pronome Relativo A QUAL ou AS QUAIS, ocorrendo somente se o termo posterior ao pronome relativo reger a preposição A, ou o termo anterior ao pronome relativo admitir o emprego do artigo definido A(S).

Ex: A aula à qual o aluno estava atento é divertida.

 

5) Quando as expressões À MODA DE ou À MANEIRA DE estiverem implícitas, subentendidas.

Ex: Neymar fez um gol à Pelé.

 

6) Antes de PRONOME adjetivo POSSESSIVO feminino no PLURAL.

Ex: O cônsul enviou várias cartas às suas filha.

 

7) Antes de pronome substantivo possessivo feminino (no singular ou no plural).

Ex: Não deram atenção a(à) minha queixa, nem à sua. (o pronome sua substitui queixa)

 

8) Em locuções femininas que indicam HORA.

Ex: Saí de casa às quatro horas da tarde.

Ele voltará à uma.

II – O uso da crase é PROIBIDO:

1) Não haverá crase antes de PALAVRAS MASCULINAS;

 

2) Não haverá crase quando o A estiver no SINGULAR e o termo regido estiver no PLURAL;

Ex: Entreguei livros a pessoas desconhecidas

 

3) Não haverá crase ANTES DE VERBOS;

Ex: Preço a combinar

 

4) Não haverá crase antes de ARTIGOS INDEFINIDOS;

Ex: Internet deu origem a uma avalanche de empreendedorismo.

 

5) Não haverá crase antes de PRONOMES em geral, exceto os pronomes indefinidos OUTRAS, VÁRIAS, DEMAIS.

Ex: Refiro-me às outras pessoas

O galanteador dá flores às várias namoradas.

Ex: Contaram tudo a ela.

Não dou importância a essa confusão.

Atendemos a qualquer hora do dia.

A pessoa a cuja filha me refiro estuda muito.

Envie flores a quem você ama.

Sempre existiu preocupação com a beleza, embora mudem os critérios a que ela obedece.

 

6) Não haverá crase antes das palavras CASA e DISTÂNCIA, quando estas NÃO estiverem determinadas.

Ex: Pedro chegou a casa e logo foi dormir.

O rapaz flertava a moça a distância.

 

7) Não haverá crase antes da palavra TERRA, sempre que trouxer a ideia de terra firme, opondo-se à ideia de estar a bordo.

Ex: Os marinheiros voltaram a terra.

 

8) Não haverá crase entre PALAVRAS REPETIDAS.

Ex: Finalmente fiquei face a face com ela

 

9) Não haverá crase antes de nome próprio feminino que designa PERSONAGEM HISTÓRICA ou ENTIDADE RELIGIOSA.

Ex: Na aula de ontem, o estagiário fez alusão a Joana d’Arc.

Renata estava solteirona; por isso, pediu um milagre a Nossa Senhora.

 

III – O uso da crase é FACULTATIVO:

1) Antes dos Pronomes de Tratamento DAMA, DONA, MADAME, SENHORA e SENHORITA.

Ex: O mordomo referiu-se à madame.

Diga à senhora diretora que está tudo pronto para a reunião.

 

2) Antes de PRONOME adjetivo POSSESSIVO feminino no SINGULAR

Ex: O cônsul enviou várias cartas a(à) sua filha.

Não deram atenção a(à) minha queixa.

 

3) Antes de NOMES PRÓPRIOS (ou personativos) femininos

Ex: Diga a(à) Joana que estamos esperando.

 

4) Após a preposição ATÈ

Ex: Empolgado com a aprovação, corri até a(à) praia de Botafogo.

 

IV – Crase em Locuções:

1) Adverbiais: à baila, à beça, às claras, à direita, às escondidas, à esquerda, à força, às moscas, à noite, às pressas, à revelia, à solta, à tarde, às vezes, à vista, à vontade.

Ex: Iremos ao teatro à noite.

Ele me trouxe à força

Vire à direita

 

2) Prepositivas: à altura de, à base de, à beira de, às custas de, à espera de, às expensas de, à frente de, à maneira de, à mercê de, à moda de, à procura de.

Ex: Os alunos ficarão à frente dos demais candidatos.

O aluno está à espera da convocação.

 

3) Conjuntivas: à medida que, à proporção que.

Ex: Você ficará mais preparado para o concurso à medida que estudar.

À proporção que você for promovido, sua remuneração aumentará.

 

4) Adjetivas: à brasileira, à milanesa, à toa

Ex: Fiquei em casa à toa.

Ontem comi um bife à milanesa.

 

Cuidado! A locução “a distância” NÃO tem crase.

Ex: Fiz uma prova a distância

 

V – Casos Especiais:

1) Em paralelismos sintáticos (repetição de termos sintáticos) se houver determinante antes de um termo, haverá artigo no termo seguinte, resultando na crase, caso contrário não haverá.

Ex.: A loja funciona de segunda a quinta, de 8h as 18h. Mas,

A loja funciona da segunda à quinta, das 8h às 18h.

Ela se molhou dos pés à cabeça.

Trabalho deste domingo à sexta; depois, férias!

 

2) Antes de alguns topônimos, a crase é facultativa: Europa, Ásia, África, Espanha, França, Inglaterra, Holanda, Escócia e Flandres.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s